Buscar
  • Rota Smart

Tipos de proteção para ter em casa quando se tem crianças

Quem tem crianças em casa sabe que é preciso ficar de olho o tempo todo, e tomar algumas providências para a sua segurança. Afinal, à medida que elas vão crescendo, sua curiosidade aumenta, e é mais comum do que imaginamos ver os pequenos correndo riscos em casa.


Cada idade requer cuidados diferentes, por isso é muito importante ir adaptando as medidas de segurança ao longo do crescimento das crianças.


Diante da importância desse tema, selecionamos aqui alguns tipos de equipamentos que você pode trazer para o seu dia a dia para oferecer proteção para crianças.


TENHA GRADES DE PROTEÇÃO


Algumas pessoas as assimilam à ideia de prisão, mas, na verdade, as grades são grandes aliadas dos pais. Em se tratando de crianças, elas são excelentes meios de proteção e cuidado para evitar acidentes, e até situações mais sérias.


Muito bem-vindas nas janelas, as grades também servem para evitar o acesso de crianças a certas áreas, como escadas, quintais ou cozinhas. Nas janelas, inclusive, você pode substituí-las por telas ou por aquelas redes bem resistentes.


ARMAZENE BEM REMÉDIOS E PRODUTOS QUÍMICOS


Por conta das embalagens coloridas e em vários formatos, remédios e outros produtos químicos costumam despertar o interesse das crianças. Por isso, é muito perigoso deixá-los ao seu alcance, já que elas podem ingeri-los e sofrer intoxicações e alergias.


O mais recomendado é que você guarde produtos de beleza, remédios, materiais de limpeza e outros químicos, no geral, em locais altos, onde os pequenos não conseguem acessar. Se isso não for possível, armazene-os em compartimentos que podem ser trancados.


INSTALE PROTETORES EM QUINAS E TOMADAS


Se nós adultos já temos um sério problema com quinas de móveis (seu dedinho do pé que o diga), imagine só as crianças! Quando os bebês começam a andar e descobrir a casa, é fundamental investir em protetores para as quinas de mesas e estantes, principalmente.


Para as tomadas, também é possível encontrar protetores que tampam seus furos e impedem que a criança enfie os dedos ou outros objetos lá. Mas lembre-se de que esses protetores precisam ser resistentes à força das crianças e, de preferência, ter cores que não chamem a atenção.


COLOQUE TRAVAS


Gavetas, portas de armários e portas dos cômodos são mestres em prender os dedinhos das crianças. E, em relação às portas, além do risco de machucar a mão, há também a possibilidade de a criança ficar presa em algum cômodo.


Bom, é inevitável o interesse delas em abrir as portas e as gavetas, mas, para manter sua tranquilidade e ficar longe desse problema, aposte nas travas. Elas são fáceis de instalar, e os pequenos não conseguem manuseá-las. Quanto às portas, vale também a dica de não deixar as chaves nelas.


APOSTE EM PRATELEIRAS ALTAS


Alguns objetos, aos quais nem sempre damos atenção, podem causar acidentes perigosos. Por isso, você deve deixá-los fora do alcance das crianças.


Uma alternativa é armazenar sacolas e sacos plásticos, toalhas, baldes e objetos pequenos em prateleiras altas. Lembrando, é claro, de deixar bem longe também os bancos e escadas.


USE PISOS E TAPETES ANTIDERRAPANTES


Outro elemento da casa que precisa de atenção é o chão. Especialmente você, que está reformando seu imóvel ou indo para a casa nova, atente-se a isso.


O ideal é ter um piso de um material que não seja escorregadio. Ardósias e cerâmicas lisas, por exemplo, estão entre os materiais que devem ser evitados. E os tapetes? Esses são campeões em derrubar as pessoas — inclusive os adultos!



23 visualizações

© 2019 por Rota Smart - Segurança Inteligente

WhatsApp