Buscar
  • Rota Smart

Número de casas inteligentes deve chegar a mais de 1 milhão nos próximos anos

Quando se fala em casa inteligente, muitas pessoas imaginam uma mansão repleta de equipamentos robustos e caros. Mas hoje essa imagem tem pouco a ver com a realidade. Na verdade, para ser considerada inteligente, basta que a casa tenha alguns dispositivos inteligentes. Conectados entre si, eles são capazes de automatizar tarefas rotineiras e dar mais praticidade para o dia a dia, aliando comodidade, segurança e sustentabilidade.

Fechaduras digitais, assistentes virtuais, lâmpadas inteligentes e câmeras Wi-Fi são algumas soluções inovadoras que estão se tornando mais comuns nas casas dos brasileiros. Não é por acaso que, no Brasil, a expectativa é que o número de casas inteligentes, chegue à 1,9 milhões nos próximos anos, segundo a Associação Brasileira de Automação Residencial e Predial – AURESIDE.


Internet das coisas: como esse conceito está mudando nossas casas


A Internet das Coisas ou IoT – sigla em inglês para Internet of Things – é um conceito que se refere à conexão de objetos – desde máquinas industriais e automóveis até lâmpadas e máquinas de lavar – ligados à internet. Assim, os objetos são capazes de coletar e transmitir dados e, a partir disso, executar tarefas por comando de voz, um clique ou automaticamente.


Imagine que você esteja saindo do trabalho e recebe uma mensagem da sua geladeira inteligente: é uma lista de itens que estão faltando e precisam ser comprados. Com essa informação, o GPS do seu carro é ativado para encontrar e traçar a rota para o supermercado mais próximo. E depois, na hora que você estiver chegando em casa, o portão da garagem abre no instante certo, pois está acompanhando sua localização. Tudo isso é possível graças à IoT.


O que é uma casa inteligente?


Conhecida também como Smart home ou casa conectada, uma casa inteligente é equipada com dispositivos domésticos e soluções tecnológicas conectadas, que proporcionam mais praticidade, comodidade, segurança, desempenho e economia – logo, são também sustentáveis.


Portas, cortinas, luzes, termostatos, câmeras de segurança, eletrodomésticos, entre outros dispositivos inteligentes e conectados, podem ser automatizados e controlados por você a distância.


Iluminação inteligente


Você pode programar, de qualquer lugar, o acionamento de cenários diferentes de iluminação, com várias cores e intensidades. É muito útil para economizar energia elétrica e criar a impressão de que há alguém em casa quando você estiver fora.


Sistemas de segurança


Câmeras de monitoramento – de áreas internas e externas –, sistemas de alarme e sensores de presença são interligados ao controle de acesso. À distância você acessa imagens em tempo real e é notificado se houver tentativas de invasão.


Fonte: Intelbras/Blog




28 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo